Veículos Elétricos | Solaris e Bombardier entregaram primeiro autocarro com tecnologia PRIMOVE
16016
post-template-default,single,single-post,postid-16016,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,side_area_uncovered_from_content,qode-theme-ver-7.6.2,wpb-js-composer js-comp-ver-5.3,vc_responsive

24 Abr Solaris e Bombardier entregaram primeiro autocarro com tecnologia PRIMOVE

O operador alemão de transportes públicos Braunschweiger Verkehr colocou ao serviço comercial o primeiro autocarro elétrico equipado com um sistema de carga por indução para carregar as baterias. O veículo foi fabricado pela Solaris, enquanto a tecnologia de carregamento automático sem fios, denominada PRIMOVE, foi desenvolvida pela Bombardier.

O sistema foi estreado num autocarro elétrico standard de 12 metros que efetua a carreira M19 no centro da cidade de Braunschweig. Em outubro irão entrar em operação quatro autocarros articulados de 18 metros, também equipados com a tecnologia carregamento rápido sem fios PRIMOVE e as novas baterias de elevado rendimento PRIMOVE. Com uma potência de 200 kW, o sistema carrega as baterias em poucos segundos, permitindo ao autocarro percorrer a distância até à paragem seguinte.

Antes de entrar em serviço comercial com passageiros, o autocarro de 12 metros esteve em testes durante várias semanas para que o todo o sistema PRIMOVE fosse aprovado pela entidade certificadora TÜV SÜD. Os ensaios incluíram 280 ciclos de carga, cerca de três mil quilómetros percorridos em modo elétrico e vários testes de segurança elétrica e emissão eletromagnética.

Para os passageiros, o sistema PRIMOVE é praticamente inaudível e invísivel. Os autocarros elétricos não só são mais silenciosos do que os de combustão, como também aceleram mais suavemente. As placas de carga do sistema Primove estão revestidas por cimento e foram instaladas por baixo do piso na estação de recolha ou em algumas paragens selecionadas. A instalação elétrica principal também foi integrada no chão nas paragens dos autocarros.

O projeto-piloto que está a decorrer na cidade alemã de Braunschweig conta com a participação de entidades como a Braunschweiger Verkehrs, a Bombardier, a Universidade Técnica de Braunschweig, a BS Energy. O financiamento é assegurado pelo ministério alemão dos Transportes e Infraestruturas Digitais.

Os autocarros elétricos fabricados pela Solaris são totalmente carregados durante a noite na estação de recolha. Uma carga rápida das baterias durante os dez minutos de intervalo na paragem terminal da carreira é suficiente para assegurar uma operação suave do autocarro elétrico de 12 metros numa carreira que tem uma extensão de 12 quilómetros. O autocarro articulado de 18 metros exige mais energia, pelo que receberá cargas adicionais durante alguns segundos em duas das paragens intermédias da carreira. A Bombardier acredita que este conceito de carga à medida assegura a maior vida útil à bateria e uma operação sem interrupções nem emissões.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someonePrint this page
Sem Commentários

Postar comentário