Veículos Elétricos | Porsche entra em força com três modelos híbridos ‘plug-in’
16169
post-template-default,single,single-post,postid-16169,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,side_area_uncovered_from_content,qode-theme-ver-7.6.2,wpb-js-composer js-comp-ver-5.3,vc_responsive

12 Mai Porsche entra em força com três modelos híbridos ‘plug-in’

O sucesso da Telsa parece estar a incomodar os construtores alemães, que lançaram uma verdadeira ofensiva no domínio dos veículos elétricos e híbridos ‘plug-in’.

A BMW abriu as ‘hostilidades’ com o lançamento o i3 e do i8 (prometendo para mais tarde o X5 eDrive40e), seguindo-se o grupo Volkwagen, com os modelos e-up, e-Golf, Golf GTE (estando mais alguns na calha), ao que se juntou a Audi com o A3 e-tron (estando mais alguns modelos prometidos, como o Q7 e-tron quattro). Para não ficar atrás, a Mercedes-Benz introduziu o Classe B ED, o S 500 Plug-In Hybrid,  C 350e e anunciou o lançamento do GLE 500 eMATIC.

O mais recente fabricante alemão a entrar nesta área é a Porsche e…em força, reivindicando ser a primeira do mundo a disponibilizar três modelos híbridos ‘plug-in’: 918 Spyder, Panamera S E-Hybrid e Cayenne S E-Hybrid. A tecnologia híbrida presente nestes três modelos da Porsche foi desenvolvida pela Bosch, que se juntaram para ‘eletrificar’ automóveis desportivos. O sistema de gestão eletrónica, as baterias, os motores elétricos do Cayenne, do Panamera e do 918 Spyder são de origem Bosch.

O 918 Syper dispõe de dois motores elétricos, um em cada eixo, com 129 e 159 cv, respetivamente, além de um motor de combustão a gasolina V8 de  4,7 litros e 608 cv. A combinação do sistema de proulsão elétrico e de propulsão permite disponibilizar uma potência máxima de 887 cv. Isto permite ao 918 Spyder acelerar dos 0 aos 100 km/h em apenas 2,5 segundos. O motor elétrico dianteiro oferece a possibilidade de condução em modo totalmente, sendo a autonomia da bateria de 6,8 kWh de aproximadamente 20 km. O tempo de carga da bateria demora entre 2,5 a 4 horas.

O Porsche Cayenne S E-Hybrid é anunciado como o primeiro SUV híbrido , estando equipado com motor de combustão e elétrico que oferecem uma potência combinada de 416 cv e um consumo oficial de 3,4 litros, enquando o Panamera S E-Hybrid dispõe da mesma motorização, mas o consumo é ligeiramente inferior – 3,1 l/100 km – devido ao seu menor peso. Em ambos os casos, o motor elétrico tem uma potência de 70 kW (95 cv). O Panamera S E-Hybrid recebe uma bateria de iões de lítio com uma capacidade de 9,4 kWh, sendo de 10,8 kWh aquele que se encontra instalada no Cayenne S E-Hybrid. O tempo de carga é de quatro horas numa tomada doméstica de 220V ou de duas horas num posto de carregamento público convencional (lento).

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someonePrint this page
Sem Commentários

Postar comentário