Veículos Elétricos | Alemanha abriu primeira estação de hidrogénio numa autoestrada
16172
post-template-default,single,single-post,postid-16172,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,side_area_uncovered_from_content,qode-theme-ver-7.6.2,wpb-js-composer js-comp-ver-5.3,vc_responsive

15 Mai Alemanha abriu primeira estação de hidrogénio numa autoestrada

A primeira estação de abastecimento de hidrogénio para veículos fuel cell numa autoestrada foi recentemente aberta e está localizada na área de serviço da Total de Geiselwind na A3. Aquela infraestrutura rodoviária veio complementar os postos de abastecimento de hidrogénio existentes nas regiões metropolitanas de Frankfurt/Main, Estugarda e Munique, passando a constituir um ‘hub’ para abastecimento de veículos ‘fuel cell’ no sul da Alemanha. A nova estação de abastecimento de hidrogénio, que custou quase um milhão de euros, foi construída pelo Clean Energy Partnership (CEP), que é uma ‘joint-venture’ entre a Daimler, a Linde e a Total para a expansão de uma infraestrutura pública de fornecimento deste combustível na Alemanha. A construção da estação de Gieselwind foi financiada pelo Programa Nacional de Inovação da Alemanha e insere-se num plano que prevê a abertura de 50 postos de abastecimento de hidrogénio naquele país até final de 2015, os quais irão estar localizados nas zonas metropolitanas e ao longo das principais vias rodoviárias. Atualmente, encontram-se ao serviço 18 estações de abastecimento de hidrogénio na Alemanha, das quais sete são operadas pela Total, incluindo a de Gieselwind. A capacidade instalada da rede de hidrogénio permite o abastecimento de mil veículos fuel cell.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someonePrint this page
Sem Commentários

Postar comentário