Veículos Elétricos | BMW desenvolve moto desportiva elétrica
16769
post-template-default,single,single-post,postid-16769,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,side_area_uncovered_from_content,qode-theme-ver-7.6.2,wpb-js-composer js-comp-ver-5.3,vc_responsive

16 Nov BMW desenvolve moto desportiva elétrica

A BMW Motorrad e a Universidade Técnica de Munique estão a desenvolver o protótipo de um moto desportiva elétrica, que recebeu a designação de ‘eRR’.

A visão do Grupo BMW para a mobilidade elétrica ficou patente há cerca de dois anos, com o lançamento dos veículos BMW i3, BMW i8, que estrearam princípios revolucionários de construção (chassis em alumínio e habitáculo em fibra de carbono), e a maxi-scooter elétrica C-Evolution. Estes veículos vieram demonstrar que as emissões zero, o prazer de condução e o caráter prático não se excluíam.

Ao revelar o protótipo e-RR, a BMW Motorrad afirma dar mais um passo e mostra as possibilidades de uma propulsão elétrica numa moto desportiva. No que se refere ao design e à tecnologia do chassis, a BWW eRR deriva da moto desportiva S 1000 RR, mas equipada com um sistema de propulsão elétrico.

Desde o seu lançamento no mercado, a RR proporciona sensações extraordinárias aos atletas do desporto motorizado”,afirma Stephan Schaller, presidente da BMW Motorrad. “Em termos de aceleração, prestações e velocidade máxima, a RR assumiu-se como a nova referência. Contudo, temos de admitir que nos primeiros metros, até 50 a 60 km/h, a RR de 199 cv, é derrotada por outro produto da BMW, a C-Evolution, com a sua motorização elétrica. O que acontecerá se combinarmos um moto desportiva e uma motorização elétrica? O protótipo eRR leva o tópico das zero emissões e da mobilidade elétrica a um fascinante novo nível”, acrescenta o responsável máximo da divisão de duas rodas da marca de Munique. A BMW Motorrad irá anunciar mais tarde os detalhes técnicos da eRR.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someonePrint this page
Sem Commentários

Postar comentário