Veículos Elétricos | Skoda apresenta híbrido plug-in Vision S em Genebra
16451
post-template-default,single,single-post,postid-16451,single-format-video,ajax_fade,page_not_loaded,,side_area_uncovered_from_content,qode-theme-ver-7.6.2,wpb-js-composer js-comp-ver-5.3,vc_responsive

02 Mar Skoda apresenta híbrido plug-in Vision S em Genebra

A Skoda apresentou o protótipo de um SUV plug-in no Salão Automóvel de Genebra, o Vision S. Este ‘concept’ antecipa a linguagem de design deste tipo de veículos da marca checa, que é claramente influenciado pelo cubismo e a tradição na arte do cristal na Boémia. As linhas são precisas, nítidas e de arestas limpas; a interação distinta da luz e da sombra sobre as superfícies têm um efeito poderoso, acentuado pela cor escolhida: verde Iceland.

Com 4,70 metros de comprimento, 1,91 metros de largura, 1,68 metros de altura e com uma distância entre eixos de 2,79 metros, o Skoda Visionfaz uma declaração ousada na estrada. Utilizando a plataforma transversal modular Matrix do Grupo Volkswagen (MQB), este é o primeiro veículo da marca checa a apresentar seis lugares em três filas de bancos distintas.

O Skoda Vision S vem equipado com um sistema híbrido ‘plug-in’ que oferece uma potência combinada de 225 cv (165 kW), permitindo uma aceleração dos 0 aos 100 km/h em 7,4 segundos e uma velocidade máxima de quase 200 km/h. O consumo médio anunciado em modo híbrido é de 1,9 l/100 km (ciclo NEDC) e a autonomia em modo elétrico até 50 km.

O motor de combustão interno é um bloco 1.4 TSI com 156 Cv (115 kW) e um binário máximo de 250 Nm. Trabalha em conjunto com um motor elétrico que fornece 40 kW de potência contínua e um binário máximo de 220 Nm. Ao motor elétrico está acoplada uma transmissão automática DSG de seis velocidades, que transfere a potência para as rodas dianteiras. Um segundo motor elétrico com 85 kW e 270 Nm de binário aciona o eixo traseiro. Funciona de forma independente do eixo dianteiro, o que significa que o veículo tem tração inteligente nas quatro rodas, não requerendo nenhum acoplamento mecânico. Os três motores cooperam de forma flexível: o condutor pode optar entre vários modos de condução, desde o motor puramente elétrico, sempre com o objetivo de máxima eficiência. A bateria de iões de lítio com uma capacidade de 12,4 kWh está posicionada à frente do eixo traseiro.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someonePrint this page
Sem Commentários

Postar comentário