Veículos Elétricos | Nissan e-NV200 Evalia 7: monovolume elétrico agora com sete lugares
17215
post-template-default,single,single-post,postid-17215,single-format-gallery,ajax_fade,page_not_loaded,,side_area_uncovered_from_content,qode-theme-ver-7.6.2,wpb-js-composer js-comp-ver-5.3,vc_responsive

01 Jun Nissan e-NV200 Evalia 7: monovolume elétrico agora com sete lugares

Com o objetivo de oferecer uma maior flexibilidade para transporte de passageiros e bagagens, a Nissan alargou a oferta de versão passageiros do modelo e-NV200 com a introdução de uma solução com sete lugares, que também está disponível na variante mais luxuosa, designada Evalia.

Apesar das suas dimensões compactas, uma vez que apresenta um comprimento exterior de apenas 4,56 metros e uma distância entre eixos de 2,72 metros, o ‘monovolume elétrico” da Nissan oferece uma elevada habitabilidade, podendo acomodar até sete adultos, distribuídos por três filas de bancos (dois à frente, três ao meio e dois atrás).

Segundo a Nissan, o Evalia de sete lugares foi desenvolvido para responder à procura de operadores de táxis, empresas de transfers VIP, hotéis e particulares, que pretendem um veículo ‘emissões zero’ com maior lotação, mas simultaneamente mais flexível.

NissanEvalia010O ponto forte deste modelo é indiscutivelmente o seu espaçoso habitáculo, que oferece a possibilidade de rebatimento da segunda e terceiras filas para aumentar o espaço para bagagem. Os bancos da fila do meio podem ser deslocados para a frente, enquanto os dois bancos gémeos da última fila podem ser rebatíveis lateralmente, libertando espaço para quando esses dois lugares não são necessários. Esta solução engenhosa permite transportar três bicicletas, algo pouco habitual em veículos de sete lugares. Na configuração normal, o Evalia de 7 lugares oferece um volume útil de carga de 443 litros com a tampa da bagageira instalada, podendo aumentar para 870 litros (até ao teto) caso seja retirada, possibilitando o transporte de sete pessoas e a bagagem. O acesso ao habitáculo é efetuado por duas portas laterais deslizantes, que são de série. O interior do veículo está totalmente revestido, e tanto as portas como os painéis laterais, dispõem de compartimentos em plástico moldado com espaços para pequenos objetos. Existem dois porta-copos rebatíveis nas laterais da terceira fila, espaços para garrafas nos painéis das portas deslizantes traseiras e em cada extremidade do painel de instrumentos, enquanto no tecto é possível encontrar três painéis de luzes interiores, uma para cada fila de bancos. As mesas tipo avião, situadas nas costas dos bancos dianteiros, incluem porta-copos. Em baixo encontram-se duas bolsas, uma com rede exterior e outra com fecho para que não se perca o seu conteúdo.

O Nissan Evalia oferece uma posição de condução do tipo monovolume, que garante um excelente visibilidade da estrada e do meio envolvente. O painel de bordo é específico da versão elétrica, sendo idêntico ao do LEAF, designadamente o visor multifunções quer os comandos. O painel de instrumentos, por sua vez, é específico do e-NV200, disponibilizando, com um simples olhar, toda a informação necessária para gerir a autonomia, incluindo o nível de carga, o consumo de energia e a carga restante da bateria. A coluna de direção, que integra o seletor de condução, é comum à restante gama NV200.

NissanEvalia011O equipamento de série é bastante completo, com ar condicionado automático, rádio com leitor de CD, sistema de navegação com serviços telemáticos e exclusivo EV com indicação de pontos de carregamento e atualização automática, sistema telemático exclusivo Carwings, faróis e limpa pára-brisas de ativação automática, faróis de nevoeiro, vidros elétricos dianteiros, espelhos exteriores elétricos, sistema de acesso e arranque por meio de chave inteligente i-Key, câmara de visão traseira e jantes de liga leve.

O Nissan Evalia de 7 lugares vem equipado com um motor elétrico síncrono, que desenvolve uma potência más de 80 kW (109 cv) e um binário de 254 Nm. Apesar do peso em vazio superior a 1,6 toneladas, este motor permite uma aceleração dos 0 aos 100/h em 14 segundos e não penalizar a autonomia a velocidade máxima está limitada eletronicamente a 123 km/h.

NissanEvalia012Para colocar o veículo em funcionamento, basta colocar o pé no travão, acionar o botão ‘Start’ na consola central, deslocar o seletor de condução para a posição ‘D’ e depois inicia-se a marcha em emissões zero e ruído quase nulo. Outro aspeto positivo é a posição de condução elevada que proporciona uma excelente visibilidade e o baixo centro de gravidade graças à distribuição das baterias entre o eixo da frente e o traseiro, assegurando um comportamento dinâmico estável. O diâmetro de viragem de rodas de 10,6 metros facilita as manobras em ruas estreitas e estacionamentos apertados. Uma preciosa ajuda adicional em algumas manobras consiste na câmara de visão traseira, que disponibiliza uma imagem da área traseira, sobrepondo linhas de orientação para ajudar a estacionar.

O Nissan e-NV200 oferece vários níveis de condução diferentes. O arranque ocorre sempre em modo ‘Normal’, mas para maximizar a autonomia é possível selecionar na consola central o modo ‘Eco’. Neste caso, a aceleração e o sistema de controlo de climatização são ajustados para minimizar o consumo de energia. Existe ainda o modo de condução ‘B’, que pode ser ativado no modo ‘Eco’ ou não, o qual aumenta o nível de travagem regenerativa, atuando como um travão motor num veículo de combustão. A combinação do modo ‘B’ e do sistema de travagem regenerativa permite recuperar efetivamente a energia e obter uns ganhos consideráveis de autonomia, designadamente em cidade ou em estrada nacional, onde ocorrem frequentes fases de aceleração e desaceleração / travagem. No ensaio, obtivemos uma autonomia de 155 quilómetros e um consumo médio entre 16,7 e 17,0  kWh/100 km. Para uma tarifa baixa tensão EDP até 20,7 kVa de 14 cêntimos por kWh, isto traduz-se num custo energético de 2,3 euros por cada cem quilómetros. Em comparação, o NV200 Combi 1.5 dCi de 85 cv regista, segundo dados da Transportes em Revista, um consumo de 5,7 l/100 km de gasóleo, exigindo um valor de 6,5 euros para percorrer a mesma distância. No que se refere ao custo de aquisição, esta versão de sete lugares do Evalia é proposta por 32.174 euros, na modalidade com aluguer de bateria por um valor mensal a partir de 73 euros, e a partir de 38.074 euros. Será e referir que a bateria tem uma garantia de cinco anos ou cem mil quilómetros.

Três possibilidades de carregamento

NissanEvalia013O Nissan e-NV200 Evalia oferece três possibilidades de carregamento da bateria. A primeira consiste na utilização de um carregador doméstico de 3,3 kW e 16 Amperes, que permite recarregar a bateria de forma lenta durante oito horas. Um pouco menos de tempo demora a carregar num posto público da rede pública Mobi.E. Em opção também está disponível o carregador de 6,6 kW e 32 amperes, que reduz o tempo de carga para apenas quatro horas, desde que esteja disponível um sistema de alimentação adequado. Alternativamente, um carregador rápido CHAdeMO de 50 kW permite recarregar 80 por cento da capacidade da bateria em apenas 30 minutos – ou menos caso a bateria esteja já parcialmente carregada. Esta última possibilidade permite aumentar a operacionalidade diária do e-NV200 Evalia para mais de 250 quilómetros.

 

Ficha técnica

NissanEvalia014Motor              Elétrico síncrono

Potência          80 kW (109 cv)/3.000 -10.000 rpm

Binário            254 Nm/0-3.000 rpm

Bateria            Iões de lítio

Capacidade Armazenagem    24 kW

Peso                1.606 kg

Comp/larg/alt (m)       4,56/1,75*/1,85

Aceleração 0-100 km 14,0s

Veloc. Max     136 km/h

Autonomia      155 km

Tempo de recarga       30 min a 12 horas

*2.01 com espelhos

 

Destaque

Autonomia 155 km

Preço:  32.174 euros (com aluguer bateria)

38.074 euros (sem aluguer bateria)

 

Custo energia por cem quilómetros

Nissan e-NV200: 2,3 euros

Nissan NV200 1.5 dCi: 6,5 euros

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someonePrint this page
Tags:
Sem Commentários

Postar comentário