Renault, Qualcomm e Vedecom testam carregamento dinâmico | Veículos Elétricos
18496
post-template-default,single,single-post,postid-18496,single-format-gallery,ajax_fade,page_not_loaded,,side_area_uncovered_from_content,qode-theme-ver-16.3,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.4.7,vc_responsive

Renault, Qualcomm e Vedecom testam carregamento dinâmico

A Renault, a Qualcomm Technologies e a Vedecom estão a implementar um projeto-piloto que prevê o carregamento dinâmico das baterias do veículos em andamento. Os três parceiros desenvolveram um sistema que permite carregar 20 kW a velocidades que podem chegar aos 100 km/h.

A demonstração dinâmica deste sistema de carregamento decorreu numa pista de ensaios com uma extensão de 100 metros, que foi construída pela Vedecom em Satory, (perto de Paris), no âmbito do projeto FABRIC.

Iniciado em janeiro de 2014 e com conclusão prevista para dezembro de 2017, o projeto FABRIC conta com a participação de 25 parceiros, de nove países europeus, onde se incluem fabricantes de automóveis, fornecedores de equipamentos, fornecedores de serviços e organismos de pesquisa sobre as infraestruturas automóveis, estradas e energia. Um projeto que tem como principal objetivo proceder à análise da fiabilidade do carregamento dinâmico de veículos elétricos como meio para aumentar a difusão destes veículos. Nesta demonstração de carregamento dinâmico por indução foi utilizado o Renault Kangoo ZE.

No Comments

Post A Comment