Mercedes-Benz EQA antecipa Classe A elétrico | Veículos Elétricos
18825
post-template-default,single,single-post,postid-18825,single-format-gallery,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1200,side_area_uncovered_from_content,qode-theme-ver-16.3,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.5,vc_responsive

Mercedes-Benz EQA antecipa Classe A elétrico

A Mercedes-Benz Cars apresentou no Salão Automóvel de Frankfurt o protótipo do primeiro Classe A elétrico. A marca alemã desenvolveu uma nova plataforma modular elétrica EVA (Electric Vehicle Architecture), que será partilhada por todos os modelos cem por cento elétricos da marca alemã. Esta arquitetura está preparada para receber sistemas de tração dianteira, traseira ou integral, com um ou dois motores elétricos, e ainda baterias de capacidade variável, montadas na base da estrutura do veículo.

Todavia, o Mercedes EQA ainda será construído a partir de uma variante otimizada da plataforma MFA do modelo atual, de tração dianteira. Com um comprimento de 4,28 metros e uma distância entre-eixos de 2,72 metros, o Mercedes EQA conta com dois motores elétricos que desenvolvem mais de 200 kW (270 Cv) e uma bateria de iões de lítio com uma capacidade de 60 kWh. O carregamento pode será efetuado por indução em postos públicos. A autonomia anunciada é superior a 400 quilómetros.

O Mercedes EQA conta com tração in terral e dois modos de condução – Sport e Sport Plus – que mudam a distribuição de energia entre os eixos e permitem a personalização de diversos parâmetros de condução. A quarta geração do Classe A será lançada na primavera de 2018.

No Comments

Post A Comment