Sistema BRT de Groningen operado por autocarros articulados elétricos da VDL | Veículos Elétricos
19259
post-template-default,single,single-post,postid-19259,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,side_area_uncovered_from_content,qode-theme-ver-16.3,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.4.7,vc_responsive

Sistema BRT de Groningen operado por autocarros articulados elétricos da VDL

A empresa holandesa Qbuzz, que opera em Groningen, recebeu dez autocarros articulados elétricos fornecidos pela VDL Bus & Coach. Os veículos Citea SLFA Electric entraram ao serviço nas carreiras Q-link 1, que liga a estação central de Groningen a Zuidorn, e 2, que une Europark a Reitdiep. A Q-link é uma rede de autocarros em sistema de via dedicada – BRT – daquela região da Holanda, que liga vários destinos à cidade de Groningen.

As baterias dos autocarros Citea SLFA Electric são recarregadas durante o serviço, ao longo da carreira, com base no princípio do “carregamento de oportunidade”. Esta solução permite aumentar a autonomia dos veículos e conseguirem assegurar a operação nas carreiras mais extensas da Q-link. Durante o período noturno, os veículos são carregados na estação de recolha da Qbuzz.

Além dos dez autocarros articulados elétricos, a VDL também forneceu o sistema de carregamento, assim como os postos de carregamento.

A introdução daqueles dez autocarros articulados elétricos é uma das medidas daquela cidade holandesa para tornar o transporte público mais sustentável. A chegada dos Citea SLFA Electric constitui o primeiro passo da transição para uma frota de autocarros totalmente elétrica em 2020. O transporte em autocarros cem por cento elétricos irá contribuir para o objetivo de Groningen de ser neutra em termos energéticos em 2035. A partir de 2030, o transporte público na Holanda não estará autorizado a lançar substâncias nocivas para a atmosfera.

Os autocarros entregues à Qbuzz têm um comprimento de 18,1 metros e apresentam um design futurista BRT (Bus Rapid Transit), que ganhou o prémio Red Dot Award em 2017.

Tags:
, ,
No Comments

Post A Comment