Volkswagen anuncia posto de carregamento móvel | Veículos Elétricos
22339
post-template-default,single,single-post,postid-22339,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,side_area_uncovered_from_content,qode-theme-ver-16.3,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.6,vc_responsive

Volkswagen anuncia posto de carregamento móvel

A Volkswagen revelou o conceito de um posto de carregamento móvel para veículos elétricos, cujo princípio de funcionamento é idêntico ao de um ‘power bank’ utilizado para carregar um smartphone. Independentemente da infraestrutura de fornecimento de energia elétrica pode ser instalado temporariamente em locais onde exista procura para o carregamento de veículos elétricos como parques de estacionamento, em supermercados ou mesmo junto a estádios de futebol, entre outros. 

O equipamento possibilita o carregamento de quatro veículos em simultâneo, incluindo dois em modo rápido. A capacidade total de 360 kWh é suficiente para carregar uma média de até 15 veículos elétricos. Graças à tecnologia de carga rápida, a operação de carga demora apenas cerca de 17 minutos. Se a capacidade da bateria da estação de carregamento móvel for inferior a 20 por cento, esta é simplesmente substituída por uma nova que se encontra totalmente carregada. Se, no entanto, estiver permanentemente ligada à infraestrutura de fornecimento elétrico com uma potência de 30 kW em corrente alterna (DC), o posto móvel recarrega por si próprio.

Se o processo de carregamento for baseado em energia renovável, a estação permite o armazenamento temporário de energia produzida de forma sustentável – solar ou eólica – assegurando um mobilidade neutra em termos de dióxido de carbono.

A primeira estação de carregamento móvel deverá ser instalada no primeiro semestre de 2019 na cidade de Wolfsburg como projeto-piloto e irá apoiar o desenvolvimento de uma infraestrutura de carregamento na zona urbana. A partir de 2020, a estação móvel também será utilizada noutras cidades.

A estação de carregamento móvel está a ser desenvolvida pelo Volkswagen Group Components e utiliza baterias em segunda vida, oriundas de veículos elétricos.         

No Comments

Post A Comment