Polestar 2 aponta baterias ao Tesla Model 3 | Veículos Elétricos
22662
post-template-default,single,single-post,postid-22662,single-format-gallery,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,side_area_uncovered_from_content,qode-theme-ver-16.3,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.6,vc_responsive

Polestar 2 aponta baterias ao Tesla Model 3

A Polestar, submarca de performance elétrica da Volvo Cars, apresentou o seu novo modelo que foi projetado para competir com o Tesla Model 3 e terá uma gama de preços a começar nos 39.900 euros. Nos primeiros 12 meses de produção, a edição de lançamento terá um preço de 59.900 euros. “O Polestar 2 é o nosso primeiro automóvel cem por cento elétrico e o primeiro modelo de volume”, afirma Thomas Ingenlath, CEO da Polestar. “Tudo nele foi desenhado e projetado com paixão e dedicação. Como marca de performance elétrica, e através do lançamento de um portefólio de veículos elétricos, a Polestar está determinada a responder aos desafios da qualidade do ar no mundo”.

O Polestar 2 é um automóvel de cinco portas, baseado na plataforma CMA – Compact Modular Architecture da Volvo, que se insere no segmento dos compactos elétricos premium. Equipado com dois motores elétricos, que desenvolvem uma potência de 408 cv e um binário de 660 Nm. A aceleração dos 0 aos 100 km/h pode ser efetuada em menos de cinco segundos. O chassis poderá ser reforçado com um Performance Pack que melhora a dinâmica de condução onde se incluem amortecedores Öhlins, travões Brembo e jantes de 20 polegadas. Os cintos de segurança, pedais de travão e tampas de válvula personalizadas completam os pormenores visuais.

O pack de baterias de 27 módulos tem uma capacidade de 78 kWh e está integrado na parte inferior do veículo, contribuindo não só para um aumento da rigidez do chassis mas também, para melhores níveis de insonorização e vibração. A autonomia anunciada é de 500 quilómetros.

O Polestar 2 será um dos primeiros automóveis no mundo com sistema de entretenimento disponibilizado através de Android, que proporciona uma adaptação sólida ao ambiente digital para apps e funções do veículo capazes de coexistir e onde se incluem serviços Google – Google Assistant, Google Maps,  suporte para veículos elétricos e Google Play Store. Um controlo por voz natural e um ecrã touch de 11 polegadas trazem um novo nivel de interface a este automóvel.

Estará também disponível uma tecnologia de chave no telefone que permitirá uma experiência mais integrada e alargada, onde se poderá partilhar o automóvel e beneficar de uma variedade de serviços conectados (in car delivery por exemplo). Esta tecnologia irá permitir ao Polestar 2 identificar a aproximação do condutor e em seguida pré-determinar o próximo passo do mesmo para assim criar uma experiência com o menor esforço possível, preparando a cabine para um sequência de arranque sem esforço.

O Polestar 2 irá fazer a sua primeira apresentação ao público no Salão Internacional de Genebra que irá decorrer em março. Posteriormente, realizará, ainda este ano, um roadshow mundial na Europa, América do Norte e China. Este novo modelo estará também disponvel na nova rede de espaços Polestar onde será possível agendar test drives. A produção irá começar no início de 2020 na China.

Os modelos da Polestar poderão ser encomendados exclusivamente online. A marca refere que o preço da versão de lançamento será de 59.900€ com o valor da subscrição a ser anunciado mais tarde. As pré-encomendas já estão abertas em www.polestar.com Os mercados iniciais incluem China, Estados Unidos, Bélgica, Alemanha, Holanda, Noruega, Suécia, e o Reino Unido. Estão a ser estudados novos mercados para expansão futura.

Tags:
,
No Comments

Post A Comment