Gama E-Tense da DS já tem preços em Portugal | Veículos Elétricos
23301
post-template-default,single,single-post,postid-23301,single-format-gallery,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1200,side_area_uncovered_from_content,qode-theme-ver-16.3,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

Gama E-Tense da DS já tem preços em Portugal

A DS Automobiles iniciou a comercialização dos dois primeiros modelos da gama eletrificada E-Tense em Portugal. A oferta compreende o SUV compacto elétrico DS 3 Crossback E-Tense e o DS 7 Crossback E-Tense 4×4, com tecnologia híbrida plug-in, com preços a partir de 41.000 euros e 53.800 euros, respetivamente.

O DS 3 Crossback E-Tense posiciona-se como o primeiro SUV premium elétrico do segmento B e dispõe de um motor elétrico de 100 kW (136 cv), associado a uma bateria de iões de lítio de 50 kWh e a um sistema de recuperação de energia em desaceleração e travagem. A autonomia anunciada é de 320 km em ciclo WLTP. O utilizador tem ao seu dispor três modos de condução – Eco, Normal e Sport – complementados por duas opções de recuperação de energia, herdadas da Fórmula E: Normal, para simular o comportamento de um motor de combustão interna; e Brake, que desacelera o veículo mais rapidamente. A autonomia pode ser otimizada com o ajustamento prévio da temperatura do habitáculo e da bateria antes de iniciar a condução. O carregamento rápido de 100 kW permite recuperar 80 por cento da capacidade da bateria em cerca de 30 minutos. Para carregamento doméstico, a marca propõe o sistema conectado DS Smart Wallbox, que permite recuperar a carga completa em apenas cinco horas na versão trifásica ou em oito horas na monofásica.

O DS 7 Crossback E-Tense 4×4 é um SUV compacto premium, dotado com um sistema híbrido que oferece uma autonomia elétrica de até 58 quilómetros, recorrendo a uma bateria com capacidade de 13,2 kWh e à energia recuperada nas desacelerações e nas travagens. O sistema de propulsão é constituído por um motor a gasolina de 1,6 litros com  200 cv e dois motores elétricos, cada um com 80 kW. A potência máxima combinada é de 300 cv. Em termos de prestações, a marca anuncia uma aceleração dos 0 aos 100 km/h em 6,5 segundos, uma velocidade máxima em modo elétrico de 135 km/h e de 220 km/h em modo térmico. As emissões de dióxido de carbono são de 31 g/km (ciclo WLTP) e o consumo médio de 1,4 l/100 km (ciclo WLTP). O SUV híbrido plug-in da DS oferece um modo de condução 4WD que permite a circulação com tração ás quatro rodas e também disponibiliza uma função ‘E-Save’, que possibilita o carregamento da bateria com recurso ao motor de combustão interna, disponibilizando energia para ser armazenada para o modo ‘Electric’. O DS 7 Crossback E-Tense 4×4 dispõe igualmente da função ‘Brake’ para aumentar a autonomia através da regeneração de energia durante os processos de desaceleração e travagem. A bateria pode ser carregada externamente a partir de uma DS Smart Wallbox, numa operação que pode demorar 1h45m.   

Tags:
,
No Comments

Post A Comment