Mercedes-Benz entrega primeiro EQC em Portugal a Garrett McNamara | Veículos Elétricos
23814
post-template-default,single,single-post,postid-23814,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1200,side_area_uncovered_from_content,qode-theme-ver-16.3,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.5,vc_responsive

Mercedes-Benz entrega primeiro EQC em Portugal a Garrett McNamara

Embaixador da Mercedes-Benz desde 2012, Garrett McNamara recebeu a primeira unidade do primeiro EQC em Portugal. As chaves do veículo foram entregues pelo CEO e Diretor Executivo da Mercedes-Benz Portugal, Pierre-Emmanuel Chantier, ao surfista norte-americano, que ganhou fama mundial ao entrar para o Livro de Recordes do Guiness em 2011 com a maior onda surfada até então. 

O lançamento do modelo EQC dá início a uma forte aposta da marca alemã no que diz respeito à eletrificação de toda a sua gama de ligeiros de passageiros. Toda a gama de produtos da Mercedes-Benz Cars terá diferentes alternativas elétricas disponíveis em todos os segmentos em 2022. Os planos da marca incluem mais de 130 variantes, desde modelos de 48 volts até uma extensa gama de híbridos plug-in e veículos elétricos movidos a bateria. 

Com uma carroçaria do tipo SUV, o primeiro membro da nova submarca EQ recebeu um sistema de tração com transmissões elétricas compactas em cada eixo, permitindo, assim, uma condução com tração integral. Para reduzir o consumo de energia e aumentar as prestações, as transmissões elétricas apresentam uma configuração diferente: o motor elétrico dianteiro foi otimizado para a melhor eficiência possível no intervalo de carga média a baixa, enquanto o traseiro determina o dinamismo. Combinados desenvolvem uma potência de 300 kW (408 cv) e um binário máximo de 765 Nm. Para não penalizar a autonomia, a velocidade máxima está limitada a 180 km/h. A aceleração dos 0 aos 100 km/h faz-se em 5,1 segundos, um valor impressionante para um veículo que pesa mais de 1,8 toneladas.

A bateria de iões de lítio tem uma capacidade de 80 kWh e oferece uma autonomia, em ciclo NEDC, superior a 450 quilómetros. O consumo de energia anunciado é de 22,2 kWh/100 km. Como este parâmetro depende muito do estilo de condução, o EQC vem com cinco modos, com caraterísticas diferentes: Comfort, Eco, Max Range, Sport e ainda um programa adaptável individualmente. Nos modos mais económicos, o EQC estimula a poupar energia. O utilizador também tem a possibilidade de influenciar o nível de recuperação, recorrendo aos comandos do volante.

No Comments

Post A Comment