Novo Renault ZOE disponível a partir de 23.690 euros | Veículos Elétricos
23954
post-template-default,single,single-post,postid-23954,single-format-gallery,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1200,side_area_uncovered_from_content,qode-theme-ver-16.3,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.5,vc_responsive

Novo Renault ZOE disponível a partir de 23.690 euros

A Renault anunciou o início da comercialização da segunda geração do ZOE que estará disponível com preços a partir de 23.690 euros. O design exterior foi atualizado com o objetivo de transmitir uma imagem ainda mais moderna e até desportiva. Toda a seção dianteira foi redesenhada, com destaque para a grelha, para as duas entradas de ar em forma de guelra colocadas nas extremidades do novo para-choques, para os novos faróis 100% LED com a famosa assinatura em forma de “C”, bem como para os novos faróis de nevoeiro. Os diversos pormenores e elementos cromados contribuem para a imagem distinta.

Os faróis traseiros, por sua vez, recebem tecnologia LED, com benefícios ao nível da visibilidade, mas também da imagem moderna e tecnológica do conjunto, até pelo facto da iluminação dos piscas ser agora dinâmica, projetando a luz do centro para o exterior. 

Igualmente renovado foi o habitáculo, desde o design, passando pelos acabamentos até aos equipamentos tecnológicos.O interior conta com um painel de instrumentos TFT de dez polegadas, que oferece novas funcionalidades e múltiplas possibilidades de personalização. A parte central do tablier é dominada por um ecrã tátil multimedia de 9,3 polegadas que se destaca pelas dimensões, pela extensa lista de aplicações e serviços conectados que disponibiliza e pela forma intuitiva como se acede aos variados menus do mais evoluído sistema multimédia EASY-LINK. Além disso, permite ligar um smartphone e replicar as suas aplicações, através dos sistemas Apple CarPlay e Android Auto.

O Renault ZOE estreia o motor R135 de 100 kW (136 cv), que se vem juntar ao R110 de 80 kW (110 cv). O novo bloco oferece prestações dinâmicas mais interessantes do que o R110, quer nos arranques, quer nas recuperações: aceleração dos 0 aos 100 km/h em menos de dez segundos e 7,1 segundos para chegar dos 80 km/h aos 120 km/h. 

O Renault ZOE estreia ainda um modo de condução que quase dispensa o recurso ao pedal de travão por parte do condutor, bastando selecionar o tradicional modo D na alavanca «e-shifter» ou, em opção, o modo B. Nestas circunstâncias, assim que o acelerador deixa de ser pressionado, o automóvel desacelera de forma bastante mais acentuada, quase que tornando desnecessário o recurso ao pedal de travão. 

A nova geração do ZOE recebe a bateria Z.E. 50 de 52 kWh, que proporciona uma autonomia de 395 km em ciclo WLTP. Esta bateria pode carregada em corrente alterna até 22 kW e contínua até 50 kW. Neste último caso, bastam 30 minutos para o veículo recuperar até 150 quilómetros de autonomia. Se a opção recair nos postos de carregamento público de 22 kW, o novo ZOE consegue obter energia para mais 125 quilómetros numa hora.

O novo Renault ZOE está disponível na rede de concessionários da marca francesa em meados de novembro, com preços a partir de 23.690 euros em regime de aluguer da bateria Z.E. 40 e com o motor R110. Com a bateria incluída, o valor é de 31.990 euros. Com o novo motor R135, associado à bateria Z.E. 50, o novo Renault ZOE poderá ser adquirido a partir de 26.190 euros (em regime de aluguer da bateria) ou de 34.990 euros (bateria incluída).

1 Comment
  • Paulo de Almeida
    Posted at 23:52h, 27 Outubro Responder

    Artigo comprado com publicidade enganosa !!! Logo para começar o custo do carro começa nos 26.000€ SEM BATERIA !!! Que quiser com bateria ou paga 34.000€ ou passa a pagar 80 euros por mês DURANTE TODA A VIDA só para o aluguer da bateria !!!

Post A Comment