Águas de Portugal evita emissão de 326 toneladas de CO2 | Veículos Elétricos
24302
post-template-default,single,single-post,postid-24302,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1200,side_area_uncovered_from_content,qode-theme-ver-16.3,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.5,vc_responsive

Águas de Portugal evita emissão de 326 toneladas de CO2

A AdP – Águas de Portugal teve em circulação 127 viaturas elétricas, o que permitiu à empresa fazer poupanças em duas frentes: económica e ambiental. Na primeira, a AdP poupou o consumo de 173 mil litros de combustível (num total de mais de dois milhões quilómetros percorridos) e, na segunda, evitou a emissãoo de mais de 326 toneladas de CO2.

Em relação ao consumo energético, verifica-se uma redução nestes 12 meses de cerca de 83%, cifrando-se em 1.429,0 MWh, o que corresponde a mais de 85 tep (tonelada equivalente de petróleo) e a cerca de 582,7 barris de petróleo equivalente evitados, comparativamente com as viaturas substituídas (motores térmicos).

“Com os valores registados a 31 de dezembro de 2019 estão cumpridos mais de 78% das metas fixadas para 2020 pelo Grupo AdP para a redução de emissões de CO2, uma vez que o PEPE (Plano de Eficiência e Produção de Energia) estabelece como objetivo global a redução de 750 toneladas de CO2 para uma quilometragem acumulada e estimada de 5 milhões de quilómetros”, esclarece a AdP em comunicado.

1 Comment
  • Rogério Gonçalves
    Posted at 18:03h, 17 Fevereiro Responder

    Esperemos que possa baixar a tarifa da água ou investir em tecnologia para os clientes pouparem água…

Post A Comment