UPS testa veículos elétricos no hub londrino | Veículos Elétricos
24353
post-template-default,single,single-post,postid-24353,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1200,side_area_uncovered_from_content,qode-theme-ver-16.3,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.5,vc_responsive

UPS testa veículos elétricos no hub londrino

A UPS encontra-se a testar a adaptabilidade e durabilidade de veículos elétricos na movimentação de semirreboques e contentores no seu hub de Londres. Em parceria com a empresa de engenharia francesa Gaussin, a UPS irá operar os veículos – conhecidos no setor da logística como shifters – com motoristas nas cabines, para avaliar a operacionalidade e eficiência das viaturas. No final do ano, a multinacional norte-americana irá avançar para a próxima fase desta operação, iniciando os testes de condução autónoma.

As equipas da Gaussin e da UPS Engineering estão em estreita colaboração desde 2018, com o objetivo de codesenvolver um veículo shifter elétrico que seja versátil, atualizável e competitivo. O shifter Gaussin que a UPS está a testar em Londres consegue mover reboques, semirreboques e contentores, em modo manual e autónomo.

Juan Perez, diretor de informação e engenharia da UPS, considera que “estes testes fazem parte de um grande esforço da UPS para integrar veículos elétricos em toda a sua rede global”, e garante que “os shifters da Gaussin vão ajudar a reduzir os nossos custos de combustível e as emissões”. Em relação ao início de teste em modo autónomo, o responsável mostra-se ansioso, sublinhando que “é uma grande oportunidade para avaliarmos estas tecnologias dentro das nossas instalações”.

Os veículos elétricos zero emissões da Gaussin incluem uma nova tecnologia de troca de bateria que permite que os shifters sejam operados dia e noite, já que a bateria descarregada é imediatamente substituída por outra totalmente carregada. Além disso, os veículos serão equipados com diversas câmaras e sensores para melhorar a sua segurança e de quem o rodeia.

“Experimentar estes shifters elétricos com capacidade de condução autónoma faz parte da estratégia de transformação da UPS, possibilitada pela inovação tecnológica”, refere Carlton Rose, presidente de manutenção e engenharia da frota global da UPS. “Continuamos a pesquisar e implementar a mais recente tecnologia no que diz respeito a veículos com potencial para melhorar a nossa eficiência operacional, adotando uma abordagem evolutiva na adoção das tecnologias relacionadas com os veículos autónomos”.

Já Christophe Gaussin, CEO da Gaussin, sublinha que “esta colaboração com a UPS trouxe informações valiosas para as equipas de engenharia da Gaussin” e que “os shifters permitirão poupar em custos de manutenção e energia, [já que] o seu sistema exclusivo de troca de bateria possibilita operar continuamente e contribuirá para a eficiência operacional e produtividade da UPS”.

No Comments

Post A Comment